Eleições 2014: Especialista analisa a linguagem corporal dos candidatos no último debate

No último debate entre os presidenciáveis, nesta quinta-feira, na Globo, os candidatos se esforçaram para conquistar os eleitores com argumentos e promessas montados em discursos pré-elaborados. Mas, além do que foi dito em palavras, o que será que eles deixaram transparecer na postura, no tom de voz e nos gestos? O EXTRA convidou um especialista em linguagem corporal para analisar o desempenho dos sete participantes. Paulo Sergio de Camargo, autor dos livros “Não minta para mim! Psicologia da Mentira e Linguagem corporal” e “Linguagem Corporal”, observou o esgotamento dos políticos com o fim da campanha e traçou um perfil deles. Veja a seguir:

Dilma melhorou durante o debate, segundo especialista
Dilma melhorou durante o debate, segundo especialista Foto: Marcelo Carnaval / O Globo

Dilma Rouseff

– Melhorou seu desempenho, quando se trata de linguagem corporal, ao longo do programa.

– Ela começou muito insegura e chegou a gaguejar no primeiro bloco. Estava muito tensa e preocupada. O que mais impressionou foram os gestos de agressividade quando ela atacava a Marina, que não parecia uma adversária, mas uma inimiga

– A Dilma ergue o queixo, o que passa uma imagem de arrogância.

Marina Silva mostrou cansaço
Marina Silva mostrou cansaço Foto: Marcelo Carnaval / O Globo

Marina Silva

– Foi quem aparentou mais desgaste, com a expressão facial e o andar cansados e abatidos. Ela demonstrou que a campanha foi muito pesada para ela, e que os ataques que ela sofreu a atingiram.

– Marina abaixava o queixo e a cabeça ao falar, o que demonstra um excesso de humildade e subserviência.

Aécio se destacou no quesito linguagem corporal, de acordo com especialista
Aécio se destacou no quesito linguagem corporal, de acordo com especialista Foto: Marcelo Carnaval / O Globo

Aécio Neves

– Foi o que passou mais segurança. Ele não gaguejou e demonstrava convicção em suas respostas. Em termos de linguagem corporal, ele foi o melhor candidato ontem.

– Ele falava com o queixo na horizontal, falando diretamente com os candidatos e falava com o polegar erguido, que mostra vitalidade e energia.

– O Aécio deixava o rosto reto, demonstra mais equilíbrio.

Levy Fidelix demonstrou nervosismo durante o último debate
Levy Fidelix demonstrou nervosismo durante o último debate Foto: Marcelo Carnaval / O Globo

Levy Fidelix

– Criticado pelos oponentes, aparentava estar extremamente tenso durante todo o programa

– Ele estava muito nervoso, e seu corpo mostrava isso. Entre as sobrancelhas aparece uma ruga vertical. É a ruga da dificuldade. A mandíbula ficava tensa, e ele respirava mais fundo. As bufadas que ele dava demonstrava que ele estava ganhando energia, pronto para atacar. Apontar o dedo, como ele fez, é um sinal de acusação, de agressividade, usado para acusar alguém.

Luciana Genro disfarçou as emoções
Luciana Genro disfarçou as emoções Foto: Marcelo Carnaval / O Globo

Luciana Genro

– Era a que menos expressava emoção pelos gestos e entonação.

– Em alguns momentos de nervosismo, a voz dela ficava mais aguda. Isso se torna até mesmo irritante em alguns momentos.

Eduardo Jorge: contradições entre postura e discurso
Eduardo Jorge: contradições entre postura e discurso Foto: Marcelo Carnaval / O Globo

Eduardo Jorge

– Ele foi “entregue” pela sua linguagem corporal:

– Ele é exagerado e não coordena o que fala com o seu corpo. Tem horas que o corpo demonstra algo diferente do discurso que ele está fazendo.

Pastor Everaldo parecia o mais inseguro no debate
Pastor Everaldo parecia o mais inseguro no debate Foto: Ivo Gonzalez / O Globo

Pastor Everaldo

– Parecia muito inseguro, muito perdido.

Candidatos não sabem usar a linguagem corporal para conquistar eleitores como deveriam
Candidatos não sabem usar a linguagem corporal para conquistar eleitores como deveriam Foto: Marcelo Carnaval / O Globo

O que eles precisam aprender

— Os candidatos ainda precisam aprender lições importantes para a usar o corpo a seu favor em aparições públicas. No geral, eles foram bem mal educados, em termos de linguagem corporal. Quando os candidatos faziam perguntas, eles faziam caras e bocas, olhavam seus papeis e não davam a mínima atenção. Era como se o oponente nem estivesse ali.

— Os candidatos também apontavam o dedo, o que é um sinal mal educado em várias culturas. Dilma, Marina, Aécio, Levy e Luciana fizeram isso ontem.

— Eles deveriam sorrir. mesmo sendo uma situação tensa, eles deveriam sorrir quando se dirigiam ao público. O sorriso é uma arma de comunicação muito poderosa, gera muita empatia.

Barack Obama sabe usar a linguagem corporal: a palma da mão voltada para o público passa uma sensação de sinceridade
Barack Obama sabe usar a linguagem corporal: a palma da mão voltada para o público passa uma sensação de sinceridade Foto: Pablo Martinez Monsivais / AP

Fica a dica

— Os candidatos avançaram em relação a outros debates, mas os políticos brasileiros não dão importância à linguagem corporal.

— A Dilma e a Marina fizeram gestos obscenos em outros debates.

— Nos Estados Unidos, os candidatos passam por treinamentos de linguagem corporal e oratória.

— O melhor exemplo é o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama. Ele sabe como sorrir, olhar para as pessoas, usar a voz dele e colocar pausas nas frases. Ele costuma esticar a mão com a palma aberta voltada para as pessoas, o que indica sinceridade. Ele sabe disso porque foi muito bem treinado.

William Bonner foi elogiado pelo especialista em linguagem corporal
William Bonner foi elogiado pelo especialista em linguagem corporal Foto: Fernando Frazão / Agência O Globo

O melhor do debate (não foi nenhum dos candidatos)

— Quem mais soube usar as técnicas de linguagem corporal durante o debate na TV Globo foi o apresentador, o jornalista William Bonner.

— Ele demonstrou experiência em linguagem corporal. Ele não tentou aparecer mais do que os candidatos, o que aconteceu em outros debates. Existem apresentadores que influenciam o debate, mas ele demonstrou ser neutro e foi tranquilo mesmo nos momentos mais tensos.

— Seu rosto não entregava sua opinião sobre os candidatos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s