O clima esquenta! Jorginho abraça Nina e os dois quase se beijam

No impulso, Jorginho abraça Nina e os dois ficam no maior clima (Foto: Avenida Brasil/ TV Globo)
No impulso, Jorginho abraça Nina e os dois ficam no maior clima (Foto: Avenida Brasil/ TV Globo)

Sem querer, Carminha (Adriana Esteves) acaba aproximando Nina (Débora Falabella) deJorginho (Cauã Reymond). Doida para agradar o filho, ela leva a chef de cozinha até o apartamento do jogador para deixar algumas comidas prontas. Jorginho diz que a presença da mãe não é bem-vinda. Magoada, a megera vai embora, mas manda Nina ficar e concluir o serviço

A sós, os dois conversam e Jorginho a convida para comer com ele. Sem graça, Nina tenta fugir de seu antigo amor e diz que precisa ir embora. Jorginho alega que está prestes a cair um temporal e tenta saber mais da vida dela, perguntando como ela foi parar na Argentina.

Com medo do rumo da conversa, Nina sai às pressas e fica encharcada no meio da rua. Jorginho vai atrás dela e a protege da chuva. “Vamos lá para casa esperar a chuva passar. Quer pegar uma pneumonia? Que foi? Parece que você está fugindo de mim”, ele quer saber, curioso.

Um carro passa em cima de uma poça e dá um banho neles. Jorginho abraça a cozinheira instintivamente, rola um clima e os dois quase se beijam. Ele comenta que o perfume dela é familiar, sem nem desconfiar que Nina na verdade é Rita (Mel Maia), sua namorada dos tempos de lixão.

Nervosa, Nina diz que não pode ir para a casa dele, pede para deixá-la em paz e sobe afoita no ônibus, deixando Jorginho pasmo. E agora, será que a paixão por ela vai reacender? Como Nina vai fazer para continuar o seu plano de vingança, estando apaixonada pelo filho de sua maior rival?

GLOBO

Anúncios

‘Avenida Brasil’: Bruna Marquezine fala sobre comparação com Mel Maia: ‘Achei ela muito parecida comigo’

Muita gente se lembrou de Bruna Marquezine quando viu Mel Maia arrebentar na pele da pequena Rita durante a semana de estreia de “Avenida Brasil”. E a própria Bruna está incluída nesse grupo. “Achei a Mel muito parecida comigo. Eu me vi nela. E não foi só fisicamente, não. Ela tem uma força no olhar, um jeito muito parecido comigo quando eu era criança”, disse Bruna, que foi alçada à estrela mirim interpretando a doce Salete em “Mulheres apaixonadas”, em 2003.

Além da semelhança física, o talento de Mel foi comparado ao de Bruna – na novela de Manoel Carlos, ela protagonizou cenas fortes como as da pequena estreante. “Mel é muito boa, tem futuro. Fiquei emocionada com as cenas dela e orgulhosa com a comparação”, contou Bruna que também foi filha de Tony Ramos na história de 2003.

Assim como Mel, Bruna tinha 7 anos quando estreou na TV. E ainda foi dirigida por Ricardo Waddington e preparada pela coach Paloma Riani, dupla que cuida da atuação de Mel. “O Ricardo é um diretor incrível. Vejo o dedo nele nas cenas da Mel. Ele cuidava muito de mim e tenho certeza que olha muito por ela também. E saber que é a Paloma quem está com ela é certeza de um trabalho maravilho. Até hoje, eu caço a Paloma no Projac quando tenho dúvida sobre alguma cena. Ela trabalha essa interpretação mais realista, a verdade no olhar. A bichinha só está rodeada de gente boa!”, comemorou a atriz.

Aos 16 anos, Bruna Marquezine é destaque de “Aquele beijo” e uma das grandes promessas da TV Globo. Já fez mais seis novelas e uma minissérie desde seu estouro nacional. Mas ver Mel em cena fez Bruna relembrar do início de sua carreira com emoção. “Lembrei muito da minha estreia. Chorei vendo a Mel assim como eu chorava vendo as minhas próprias cenas. Assim como ela, eu chorava fazendo e depois vendo. Foi muito gostoso reviver esse período agora com a Mel”, disse a moça.

Extra

Rita é maltratada por Nilo no lixão

Depois de ser abandonada no lixão pela madrasta, Rita (Mel Maia) começa a descobrir que a vida no local não vai ser nada fácil. Supervisionada por Nilo (José de Abreu), ela e as outras crianças catam lixo.

Cansada, Rita recebe o apoio de Jessica (Adrielle Carvalho): “Primeiro dia é difícil. Depois você acostuma”. A filha de Genésio(Tony Ramos) repara em um menino loiro acompanhado de outras crianças e pergunta por que eles podem brincar. Suely diz que são crianças de sorte, adotadas por Lucinda (Vera Holtz).

Após acabar de comer, Rita vê que o menino está ao seu lado. Batata (Bernardo Simões) a chama para brincar, mas ela o manda embora, irritada. Ele pega o saco onde a menina estava colocando lixo e sai correndo.

Lucinda chega e defende Batata (Foto: Avenida Brasil/ TV Globo)
Lucinda chega e defende Batata

Rita corre atrás dele e consegue alcançá-lo. Ela acaba entrando na brincadeira e os dois se divertem juntos, até que Nilo aparece.

Ele briga com Rita por não estar trabalhando, mas Batata a defende. Nilo segura Batata e o ameaça: “E você, pivete?! Faz tempo que não te dou uma boa coça,  com saudades…”.

Lucinda aparece e confronta o homem, que solta o menino. Ela leva Batata embora, que fica mal por deixar Rita para trás. Será o começo de uma grande amizade?

Globo