João Carvalho e Yuri disputam o nono paredão do “BBB12”

O nono paredão do “Big Brother Brasil 12” foi formado durante o programa ao vivo da noite de domingo (11) e João Carvalho e Yuri disputam a preferência do público para permanecer na casa. O professor de Muay Thai foi indicado pela líder Kelly e o mineiro pela casa, ao receber quatro votos dos colegas de confinamento.

A surpresa maior no entanto foi o anúncio para os participantes da autoimunidade deMonique, que ganhou a última prova do anjo desta edição. No entanto, o apresentador Pedro Bial deixou a sister discorrer sua justificativa em imunizar Yuri. “É um grande amigo, que me levanta quando eu preciso, me incentiva e me faz acreditar em mim. Não teria como ser outra pessoa, vou imunizar o Yuri”.

Assim que o lutador e a sister se abraçaram, Bial interrompeu: “Congela, para tudo. Só vocês não sabiam, mas você, Monique, foi o último anjo desta edição e é o que chamamos de anjo autoimune. Monique não pode ser votada”, anunciou o apresentador.

Em seguida, foi a vez da líder dar seu veredito. Bastante nervosa, Kelly gaguejou ao indicar Yuri. “Chega um ponto do jogo que vamos ter que votar em pessoas que estão próximas. O meu voto vai para o Yuri, nessa altura do campeonato não seria diferente. Eu vou defender as pessoas que estão próximas a mim e ele é a pessoa que eu escolho hoje”, disse ao justificar sua decisão.

Yuri, Fael, Fabiana e Jonas votaram em João Carvalho e, com exceção do lutador, os votos foram explicados como sendo a única opção de escolha para este paredão. O goiano justificou seu voto no mineiro dizendo que sua opinião sobre ele continuava a mesma. No paredão anterior, Yuri era líder e mandou o representante comercial para a berlinda dizendo que não gostava da sua maneira de jogar.

Agora estou jogando até na vida amorosa, diz Yuri

Yuri quer entrar de vez no jogo

Insatisfeito por ter sido vetado na prova do líder, o goiano Yuri disse que entrou de vez no jogo.

“Agora estou jogando de todas as formas, até na vida amorosa”, disse Yuri para Rafa.

O professor de muay thai foi tirado da disputa por João Carvalho, que detinha o “poder do não”.

Em seguida, ele reclamou para Laisa de ter sido chamado de “filhinho” pelo mineiro.

F5